Home ][ Índice ][ Agenda ][ Bibliografia ][ Exposições Atelier ][ Associações ][ Sites ]Matérias publicadas ]Notícias ]Cultura ]A Jóia ]
Professora Maura Dias
 

Tendências


Tendências Outono-Inverno 2006

As passarelas de todo o mundo apresentam 4 Estilos bem definidos e distintos no mundo da Moda.

O Renascença, ou Vitoriano nos leva a uma viagem rumo ao Velho Continente, num passado longínquo recheado de rendas, babados, golas exageradas e altas, os tão conhecidos jabôs, mangas bufantes, corsellets usados por cima de camisas. Mostra ainda saias amplas em tecidos leves rendados, detalhes de laços em fitas de cetim, veludo e gorgurão. O comprimento pode ser longo ou acima do joelho. A cintura é sempre bem marcada e aí entram os cintos. Eles estiveram presentes em quase todos os desfiles em Milão. Couro com fivelas enormes ou apenas faixas, o que importa é destacar a cintura.

As jóias devem acompanhar a imagem de pompa, detalhes, romantismo exagerado. Broches serão bem vindos, coroando todos esses babados. Para compor o visual as orelhas devem mostrar brincos grandes, com pedras brilhantes. Além das peças clássicas devem surgir no cenário aquelas alternativas e inusitadas como as grandes fivelas de cinto em prata, num trabalho vazado que lembre renda; ou mesmo as “esquecidas” capas de botões, que podem valorizar e reciclar uma  roupa.

As cores para esse estilo são principalmente preto, roxo intenso, tons de vinho, violeta.

As gemas devem ser ônix, diamante negro, turmalina negra entre outras.

Palavras-chave: Princesas – Palácios – Rebuscado - Rococó.

 

 

As bandas roqueiras de ontem e hoje marcam presença no estilo Rock. O couro, há tempos esquecido, volta com força total, calças com corte bem seco e justo, (podendo também se estender aos jeans). O máximo aqui é a mini saia com meia grossa (opaca) e botinha no tornozelo.

A dica é misturar couro com cetim preto e rendas, para ser monocromático!

Coletes, jaquetas Perfecto (aquelas usadas por motoqueiros), muitas tachas e acessórios metalizados.

Vamos ver a “Coleira” rejuvenescida, surge em faixas de cetim preto ou mesmo couro. Apliques e pingentes em prata ou ouro branco. O metal deve imperar. Aqui as pedras não são prioridade. Anéis grandes, sempre em metal prateado, braceletes, piercings variados, esse é o clima.

Para “colorir”: preto e cinza.

Palavras-chave: Rebeldia – Elegância

 

 

 

Cai o ar “pueril” das estações passadas para dar lugar ao Ultra Feminino – Romântico. Nesse estilo bem feminino a mulher mostra todo o seu poder e força.

Novamente a cintura bem marcada e alta. A vedete é a saia lápis na altura dos joelhos.

Também presentes: Tafetá, veludo de seda, rendas, organza e tweed, em profusão. É um estilo muito sofisticado e sexy (sem muitos decotes), bem ajustado ao corpo, definindo as formas femininas. O retorno da femme fatale.

Devemos ver aqui peças muito requintadas, elegantes, brilhantes, caras! Peças de um design mais “limpo”  porém marcante. Se houver anel no dedo deve ser um só, no máximo dois, mas FABULOSOS. Colares longos serão indispensáveis, sempre em pedras coradas que componham com naturalidade o visual ou as elegantes pérolas que combinam com tudo.

Nos  pés: saltos altíssimos
Nas mãos: bolsas carteiras
Nos lábios: batom vermelho  
Nos olhos: delineador  
Cabelos: coque e rabo de cavalo bem alto.  
No pescoço: pérolas  
Na cabeça: ATITUDE  

Mulheres-chave: Catherine Deneuve - Grace Kelly - Jackie Onassis  

 

 

 

No Minimalismo as peças têm cortes retos, tons neutros, nada de estampas ou “fru-fru”. Quanto mais clean for sua produção para essa tendência melhor.

Eles têm a preferência: Preto, Cinza, Palha, Branco, Cru e a dupla já consagrada Preto-Branco.

Aqui nada deve chamar muito à atenção. Brincos, Anéis, Pingentes em linhas mais retas e limpas. Se houverem pedras devem ser poucas, uma! Em cores que não atraiam os olhos sobre si. No entanto podemos avistar um outro extremo. A mulher que se encaixa nesse estilo pode abusar um pouco mais das jóias, se assim desejar. As roupas em linhas mais “simples”  deixam espaço para expor peças de personalidade marcante.

O Minimalismo de agora é uma releitura do mesmo estilo que foi sucesso nos anos 90.

Palavras-chave: Clean – Discrição

 

 

 

Neste Outono-Inverno a Moda está para todos os gostos, e se nenhuma das tendências acima agradar, acredite, ainda há opções. 

O Militarismo pode ser usado sem medo, com suas jaquetas de oito botões, shortinhos balonê, casacos longos estruturados, micro saias e botas de cano longo, muitas insígnias e medalhas. 

 

 

 

O Folk-Étnico também será visto, moda e estilo de outras culturas. Com destaque para peles, casacos de couro rústicos, bordados, crochê, tricô com pontos largos, teares, quimonos japoneses. As vedetes serão coleiras, colares e braceletes em trabalho de tear, com pedras preciosas coradas, pérolas, sementes, madeiras, cerâmica e tudo mais que a imaginação permitir. 

 

 

 

Deve ser mencionado também o Masculino com suas peças de alfaiataria bem femininas. Vale misturar aquele  paletó e gravata com bermuda, colete, suspensórios, mais uma vez, tudo bem ao estilo femme.

É Fashion:

Preto  
Cintura marcada  
Cintos  
Botas  
Vestidos.  

 


Upgrade nas suas jóias 

Nada é mais atual do que RENOVAR.
Renovar roupas, a casa, a vida...... e por que não, suas jóias ?

Existem inúmeras possibilidades para reciclar sua caixa de jóias, vamos falar de algumas: 

1. Refazer totalmente: 
Já não agüenta mais olhar seu colar de pérolas ?  (apesar dele ser a ”bola da vez”).

Mande enfiar novamente intercalando pequenas bolinhas de ouro, da forma que mais lhe agradar.

  • Uma bolinha - uma pérola,

  • Duas ou três bolinhas - uma pérola,

  • Uma bolinha - cinco pérolas

Outra opção é intercalar pérolas com esferas de ônix ou alguma outra gema facetada como Rubi, Esmeralda, Granada, enfim, a que mais gostar. É fácil encontrar fios com essas gemas e lapidações.

Essa “estratégia” além de dar ao seu colar uma “cara” mais moderna, também oferece a possibilidade de montar, dependendo do tamanho, 2 colares ou mesmo um mais comprido (bom né?).

E...... quando cansar, volte para o colar original.

Se você não quiser ter o trabalho de mandar montar seus novos colares faça o nosso curso de fiação de pérolas !!  Consulte a programação aqui no site.

2. Agregar peças:

Nessa opção você pode fazer uma segunda peça para usar junto com sua jóia. Um brinco solitário de diamante ou pérola pode mudar totalmente se você fizer um par de pingentes para serem encaixados no pino da orelha. Você poderá usar das duas formas, o antigo brinco solitário ou uma nova peça com um pingente, sem mudar a estrutura original. Muito versátil.

Não se esqueça de esse pingente também poderá ser dependurado numa corrente de pescoço, basta planejar antes de confeccioná-lo. Agora são 3 novas jóias!

3. Utilizar suas peças de uma outra forma:

  • Aquele broche maravilhoso pode ter uma nova roupagem se você usá-lo como pingente numa corrente. Também vale uma fita de veludo, de organza ou uma faixa larga de couro para ser amarrada ao pulso.

  • Anéis antigos da vovó também podem virar pingentes, basta usar uns 5 ou 6 juntos. Numa corrente longa terão um novo charme!

  • Um brinco especial vira um broche. Se for de pressão coloque no decote. Se for de pino enfie na blusa ou na echarpe (só não esqueça de proteger a ponta atrás com esparadrapo ou outro material).

Crie e invente, o resultado vai surpreender. E não esqueça:

               “Consulte sempre um joalheiro”


A coluna “Tendências”  acompanha os lançamentos das estações. 
Nesse intervalo Maura Dias apresenta flashs de Moda. Acompanhe!

 

[ Topo da página ]