[ Voltar ]Home ]

Matéria publicada no Site: www.joiabr.com.br

PIERCING
A JÓIA DA PELE


Márcia Pompei(*)




Tão em moda nos dias de hoje, ninguém imagina a idade desse exótico adorno.

Existem pesquisas que mostram que o Piercing já era usado há 5.000 anos.

A palavra "Piercing" vem do inglês e significa Perfuração, Agudo, Penetrante.

O ser humano sempre foi uma criatura extremamente vaidosa. Vale a pena lembrar processos altamente dolorosos e perigosos utilizados para se atingir padrões de beleza estipulados por uma tribo, uma época ou envolvendo valores religiosos ou de ordem social. Lembramos aqui as mulheres asiáticas e seus longos pescoços adornados por anéis metálicos que vão sendo acrescentados de tempos em tempos; ou dos pequeninos pés das mulheres chinesas que por intermédio de faixas atrofiam o crescimento desse membro; temos também culturas indígenas que propagam o costume de se alargar os lábios com a introdução de objetos que se assemelham a pratos.

O Body Piercing quase sempre esteve associado à realeza, virilidade e beleza.

desenho: João Carlos CastilhoOs egípcios já perfuravam seus umbigos para usar jóias metálicas que indicavam sua posição social, eram sempre indivíduos da Realeza, os membros do povo eram proibidos de tal prática.

Entre os sacerdotes Maias e Astecas o piercing de língua era utilizado como uma forma de comunicação com os deuses.

Entre os romanos havia o costume de agradar ao imperador perfurando os mamilos para encaixar-lhes pequenos "brincos", também sinal de coragem. Todos os guarda-costas de César deveriam utilizar tal adorno.

Na Índia o famoso "brinco no nariz" é antes de tudo um indicador da classe social do indivíduo.

Entre algumas tribos africanas, os piercings que alargam a orelha são utilizados para demonstrar o nível social, quanto maior o furo e o piercing maior o status da pessoa.

Estudos mostram que essa peça de adorno tem muitos significados no universo humano. Foram instrumentos utilizados em rituais de passagem de adolescentes em diversas tribos e comunidades; foram vistos como símbolos de força e coragem; ou de fidelidade. Também esteve associado a elementos esotéricos e foi amuleto em algumas culturas. Chegou a ser utilizado por membros de um grupo como forma de identificação entre os mesmo e para afastar inimigos. Marinheiros usavam piercings acreditando que isso lhes traria maior visão. Isso tudo sem mencionar o fator estético.

desenho: João Carlos CastilhoA introdução do metal num corpo humano remete a muitas outras crenças. Levando em conta as características dos metais, suas influências e cargas energéticas, podemos mencionar teorias esotéricas que afirmam que o ouro é sinônimo de pureza, abundância. Acredita-se que esse metal tenha o poder de eliminar impurezas do organismo. Seu uso torna a pessoa mais forte, vigorosa e sábia.

Já a prata é um metal feminino, propicia calma, tranqüilidade, deixa aflorar a intuição, a sensibilidade.

O cobre é outro metal que já foi muito utilizado pelo homem em peças de adorno. Acredita-se que esteja diretamente ligado ao sangue (sua coloração avermelhada acentua isso). Sua capacidade de aliviar o stress é bastante conhecida e divulgada. Está relacionado também à sexualidade. Diversas culturas já o utilizaram como fonte de equilíbrio dos distúrbios hormonais.

Nos dias de hoje nós vemos o piercing nas vitrines das mais importantes joalherias, em materiais nobres, adornados de pedras preciosas, com um design exclusivo.

Chegou até nós através das comunidades hippies e depois punkies. Mas seu uso não se restringiu às parcelas marginalizadas da sociedade, tanto que um dos grandes mestres da moda, Jean Paul Gaultier, utilizava piercings extremamente caros e exóticos, unindo nariz e orelha.

Atualmente temos visto também piercings aplicados em dentes, diretamente na resina. São diversos os materiais utilizados, desde pedras e metais até os sintéticos.

desenho: João Carlos CastilhoOs motivos para se usar um Piercing nos dias de hoje podem ser bem variados e adequados a quem o escolhe. Variam entre uma expressão de rebeldia, ousadia, diferenciação na sociedade que massifica seus integrantes, até uma composição estética ou mesmo força mística.

É importante observar com rigor qual o material do piercing. A comunidade médica indica apenas: aço cirúrgico e ouro. A parte do corpo na qual será aplicado o piercing também deve receber grande atenção, assim como o profissional que vai aplicar esse adorno, a higiene do local e instrumental. É sempre interessante consultar um médico, um dermatologista, antes de aplicar um piercing em seu corpo. Vale a pena lembrar que são necessários alguns cuidados também após a aplicação da peça, para que a cicatrização seja bem sucedida.

Tomando esses cuidados você poderá exibi-lo como preferir e da forma que mais combinar com seu estilo. Sucesso!!!

IMAGENS (desenhos de João Carlos Castilho)
1- O Circular Barbell pode ser usado no nariz, mamilo, orelha e sombrancelha
2- O Barbell Stud (ou reto) é utilizado na sombrancelha, orelha ou mamilo
3- O Septum Tusk é usado na base do nariz, tem quase o tamanho dos lábios


[ Índice ]

(*) Márcia Pompei - Designer de jóias e professora de joalheria e especializações
no Atelier Márcia Pompei

[ Topo da página ][ Voltar ]Home ]