Home ][ Up ]
Matéria publicada no Site: www.joiabr.com.br

CABALA
DOUTRINA JUDAICA


Márcia Pompei(*)




Há algum tempo temos visto anéis, pingentes e outras peças da joalheria utilizando letras em aramaico. A origem disso é a Cabala.

Baseada em revelações divinas, a Cabala foi “redescoberta” há alguns anos. Uma de suas principais divulgadoras é a cantora Madonna.

Também escrita: Kabbalah ou Qabalah. Significa tradição oral.

Jóias de Denise Diandre

Um dos principais livros de ensinamentos da Cabala é o Sepher Yetzirah (Livro da Formação). Foi escrito antes do século VI e seu possível autor é o rabino Akiba, no entanto não se pode afirmar que seus ensinamentos tenham sido criados por seu autor ou que sejam apenas registros de uma antiga revelação oral. Seu conteúdo não chega a duas mil palavras. Ele apresenta o alfabeto hebraico como fonte para a compreensão do universo.

Outro importante livro da Cabala, o Zohar, pode ter como autor o rabino Simon bem Jochai (discípulo de Akiba).  O Zohar apresenta a interligação entre todas as coisas do universo, como numa “dança cósmica”.

Em meados do século XIII foi despertado o interesse pela Cabala com o livro Sepher Bahir (Livro do Brilhante). Depois dele o rabino Moses de Leon publicou nova versão do Zohar.

A Europa viu surgir no século XVI duas escolas de pensamento cabalístico. Seus ensinamentos só eram divulgados entre os mais experientes rabinos, acreditava-se que suas revelações eram perigosas.

No século XVIII Baal Shem Tov, o Besht, promoveu um grande desenvolvimento da Cabala.

São integrantes da Tradição Esotérica Ocidental: Alquimia, Gnosticismo, Fadas, Runas, Tarô e a Cabala entre diversas outras ciências ocultas. Acredita-se que a Cabala tenha dado base a diversas doutrinas atuais.

A Cabala apresenta a origem do universo de forma simbólica. Também é analisada a relação entre Divindade e ser humano.
A “Árvore da Vida”  é utilizada pela Cabala. A Ain Soph Aur, luz infinita, se manifesta através subdivisões, Sephiroth, da Árvore da Vida.

A Árvore da Vida é formada por 3 triângulos tendo um círculo (sephiroth) em cada ângulo.
Os sephiroth são:
  1. Kether (coroa)
  2. Chokmah (sabedoria)
  3. Binah (entendimento)
  4. Chesed (misericórdia)
  5. Geburah (poder)
  6. Tiphareth (beleza e harmonia)
  7. Netzach (vitória)
  8. Hod (esplendor)
  9. Yesod (alicerce)
  10.  Malkuth (o Reino)
Segundo a Cabala o homem possui vários corpos além do físico. Eles se dissociam no momento da morte. O espírito, considerado o verdadeiro ser, é Neschamah. A alma é Ruach. O corpo vital e passional é chamado Nephesch.
O triângulo superior da Árvore da Vida representa o Espírito que habita tudo e todos. Compõem esse triângulo: Coroa, Sabedoria e Entendimento.
O triângulo médio representa a Alma, a “chama” de vida vinda do Espírito e direcionada a cada ser para proporcionar-lhe individualidade. Compõem o triângulo médio: Misericórdia, Poder, Beleza e Harmonia.
O triângulo da base representa a Personalidade, as características do homem como ser, matéria unida ao espírito. Alma revestida de matéria para tornar-se “palpável”. Compõem o último triângulo: Vitória, Esplendor e Alicerce.
Resta o décimo sephiroth, o Reino, também conhecido como “o Portão”. Representa o planeta Terra e as funções sensoriais. É exatamente o elo de ligação entre o interior (do ser) e exterior, exatamente o que fazem os sentidos: nos unem ao mundo que nos rodeia. Geralmente as investigações cabalísticas se iniciam por esse sephiroth

As esferas da Árvore da Vida têm diversas ligações com outros elementos como animais, plantas, minerais, números etc. Essas correspondências podem ser alteradas de acordo com as particularidades de cada um.

Segundo importantes membros do judaísmo sua compreensão exige muito estudo, um profundo conhecimento das tradições judaicas e muita dedicação. Vemos logo que não é algo simples para um “curioso” utilizar e indicar.
Acredita-se que auxilie no desenvolvimento pessoal, interpessoal e espiritual.

Seja lá qual for sua religião ou crença, ponha fé na sua intuição. Tudo o que traz bons pensamentos e ensinamentos só pode fazer o bem.  Boa sorte, sempre, pra você!!!

Bibliografia

Elementos da Cabala
Will Parfitt - Ediouro

Dicionário de Magia e Esoterismo
Nevill Drury - Editora Pensamento

Enciclopédia de Conhecimentos Esotéricos
Alfredo Nieva - Editora Professor Francisco Valdomiro Lorenz


[ Índice ]

(*) Márcia Pompei - Designer de jóias e professora de joalheria e especializações
no Atelier Márcia Pompei
[ Topo da página ]Home ] Up ]